Cultura no Ministério da Cidadania: o que pode mudar?
00:00
00:00
Embed Code (recommended way)
Embed Code (Iframe alternative)
Please login or signup to use this feature.

A partir de janeiro de 2019, com a posse do novo presidente da República, a Cultura deixa de ter um Ministério exclusivamente dedicado a ela. Nesta edição, o Instituto NET Claro Embratel conversa com o gestor público de cultura, que já atuou como diretor da TV Escola, e é ex-secretário de Cultura em São Paulo, José Roberto Sadek.



Ele analisa o que deve mudar com a criação do Ministério da Cidadania, que passa a reunir a cultura com outras áreas, como Desenvolvimento Social, Esporte e política anti-drogas. “Parece que este ‘ministério de variedades’ tem como linha comum o assistencialismo. A gente está instrumentalizando a cultura para fazer aquilo que não é o central dela. O central da cultura é a produção cultural para as pessoas usufruírem, pensarem, se divertirem, questionarem quem são e como se comportam”, defende o também professor de roteiro da FAAP, que foi entrevistado por mim para o podcast do Instituto NET Claro Embratel (você pode ouvir o áudio aqui e também nos principais agregadores de áudio, como o Spotify e o Google Podcasts).

Licence : All Rights Reserved


X
X